A integração entre alunos, professores e família é uma das alavancas que torna o ensino do Friburgo uma experiência bem sucedida. Acreditamos que o ensino funciona como uma engrenagem, uma cadeia na qual toda comunidade escolar deve estar em sintonia.

Uma atenção especial à aprendizagem
Certamente este é um pilar central do Projeto Educativo do Friburgo. É a partir das idéias que temos incorporado sobre “como os meninos e meninas aprendem” que organizamos o Alunos apresentam trabalhos - Clique para ampliarcurrículo, distribuímos os conteúdos, definimos estratégias e propomos atividades nas disciplinas das diversas séries. Estas concepções sobre aprendizagem atualizam-se ao longo dos anos entre nossa equipe de educadores, a partir dos freqüentes estudos que realizamos sobre as teorias dos grandes pensadores que marcaram o último século, como Piaget, Vigotsky e seus seguidores. Ao colocarem o foco de suas investigações científicas nos processos internos responsáveis pela aprendizagem, isto é, no que ocorre no interior do aprendiz ao se processar a aprendizagem, grandes contribuições trouxeram à missão de ensinar.

Buscando uma tradução sintética deste pensamento, o ponto de partida para qualquer aprendizagem é aquilo que o aluno já conhece.  Mesmo nos momentos iniciais da escolaridade, esta construção não é efetuada a partir do marco zero. Com base no conhecimento que o aluno pôde construir, previamente, é que o novo conhecimento ganha significado. A relação entre o novo conhecimento e aquilo que o aprendiz já conhece é mediada pelas habilidades do pensamento. São elas que, comparando, identificando semelhanças e diferenças, inferindo, deduzindo e hierarquizando as informações, promovem a contínua ampliação da rede de conhecimentos de cada indivíduo.

Leia mais:
Nossa prática educativa
Aprender a ser e a conviver

Voltar para Educar para a responsabilidade

Anúncios