Resistir. Esta palavra é muito familiar aos adolescentes do 8º ano. Resistir ao novo, ao adulto, aos limites, às regras, a crescer, a continuar criança. São tantas as resistências típicas dessa idade que a equipe de professores trouxe para eles a possibilidade de estudar outras formas de resistência para, depois, confrontar com aquelas que pertencem à vida do adolescente.
O local escolhido para viver esse estudo foi a região do Vale do Ribeira, mais especificamente as cavernas do Petar, local que mostra a natureza resistindo ao tempo, o homem resistindo ao próprio homem e os animais resistindo à própria extinção.

Caverna do Petar - Clique para ampliarAssim, os alunos do 8° ano do Ensino Fundamental fizeram uma visita à região, dentro de um projeto interdisciplinar que envolveu quatro disciplinas:
– Geografia discutiu a resistência da Terra;
– Ciências focou a resistência dos seres vivos;
– História, a resistência do homem;
– Fisiologia se preocupou com a resistência do corpo.

Objetivos do estudo
– Transformar e transferir para a sua vida o conceito de resistência;
– Compreender e reconhecer os conceitos de resistência existentes no quilombo, nas cavernas, no corpo e nas relações interpessoais;
– Fortalecer o grupo para questões coletivas, incentivando a cooperação, solidariedade e respeito;
– Reconhecer a resistência em si e no outro;
– Exercer autonomia, responsabilidade e cidadania.
Clique aqui e confira as fotos!

Anúncios