You are currently browsing the monthly archive for novembro 2008.

No dia 13 de novembro os alunos do 3º ano foram conhecer o funcionamento de uma indústria da cidade de São Paulo. Para isso a escolha foi a fábrica da Pullman, bastante conhecida por esta turminha que adora bisnaguinhas e bolos na hora do lanche. A atividade foi um complemento ao projeto realizado deste o início do semestre “Paisagens do lugar onde vivemos: São Paulo”.
Durante a visita, todos puderam conversar com os funcionários, fizeram diversas anotações e pesquisaram sobre a importância desta atividade para a economia da cidade.

 

Clique abaixo e leia alguns depoimentos. E clique aqui para ver a galeria de fotos.

Laura – 3ºB   laura1   Maria Fernanda – 3ºB  mariafernanda1

Malu – 3º B   malu01 malu02

Anúncios

Teatrando

O Teatrando estreou na terça-feira, dia 11 de novembro, com os alunos do 8º ano Fundamental apresentando a peça “alegria, alegria”.

A platéia, composta de pais, amigos, professores e funcionários, pôde apreciar o resultado do trabalho realizado pelo professor Marcos Arilho nas aulas de Teatro deste semestre.

Os alunos se saíram muito bem e chegaram a comover o público! Depois da peça, um bate-papo descontraído entre pais, elenco e professores encerrou o evento. Clique aqui e confira as fotos!

Na quarta-feira, 12 de novembro,  foi a vez dos alunos do 9º ano encenarem a peça “João e Maria”, inspirada na obra de Chico Buarque. O clima de descontração e comprometimento dos alunos garantiu o sucesso desta apresentação. Um debate se iniciou timidamente após a peça, mas logo se transformou em uma conversa descontraída e engraçada, onde temas como “micos” e “namoricos” foram abordados.
Clique aqui e veja as fotos.

As aulas de HP1 dos 6ºs anos tomaram um rumo mais que interessante neste semestre!
O ponto de partida foi um texto extraído da Folha de São Paulo intitulado “Modos Capixabas – Panela de barro artesanal tem status de ingrediente”.

Após a leitura, quando o objetivo  era reforçar a atenção para trechos com função explicativa, orientados pela professora Silvana, os alunos se reuniram em trios e começaram a idealizar seu próprio roteiro para explicar a matéria. O assunto foi despertando forte envolvimento entre os grupos e a proposta de apresentação do roteiro ganhou forma que encantou a todos da classe.
Criativamente surgiram idéias de dramatização, inclusive com uso de fantoches, caracterizações, maquetes e cartazes. Moqueca Capixaba

Sem dúvida, esses novos alunos estão demonstrando disposição em unir trabalho e estudo de modo prazeroso. Nossa proposta de educação voltada para um ensino dinâmico está florescendo. A satisfação é enorme e a aprendizagem mais concreta.

Parabéns 6º ano!
Para ver as fotos deste álbum, clique aqui.

japi-9ano-0161Atividade de sensibilização e passagem de ciclo 9º ano

Galeria de fotos

9o ano. Conclusão do Ensino fundamental e preparação para o Ensino Médio…
Fase de consolidação, complementação e aprofundamento dos conteúdos…
Época de decisão…
Etapa do exercício da autonomia para escolhas responsáveis…

Entendendo que as aprendizagens não se concretizam em separado dos meios e modos de pensar que elas possibilitam, o trabalho realizado na Serra do Japi teve por objetivos:
• refletir com os alunos os processos de aprendizagens vivenciados no Ensino Fundamental,
• perceber os processos de evolução das relações internas do grupo,
• dimensionar a responsabilidade das escolhas como processos individuais por excelência e
• ritualizar a passagem de ciclo.

O uso de símbolos, metáforas e rituais  induzem a ressignificação e, portanto, a reconceitualização. Novas e potencializadas aprendizagens.
Para cumprir com o 1º objetivo da atividade percoremos uma trilha que leva a um platô de onde podemos observar amplamente o vale e as cidades vizinhas. Na trilha, íngreme, fizemos algumas paradas onde foi ressaltado o processo vivido no ciclo de 6º ao 9º ano. Cada parada representando uma etapa vivida, um processo, uma fase ou um problema a ser superado e a necessidade de seguir adiante…
Chegando ao platô pudemos reconhecer o passado e refletir sobre o futuro. A  percepção do outro, a superação de problemas, o reconhecimento do avanço do grupo, a responsabilidade frente a escolhas conscientes foram temas do debate assim como a necessidade de cada um pensar por sí e fazer escolhas responsáveis.
Partimos então para outra trilha, de maior dificuldade, onde colocamos o grupo em situação de cooperação e ajuda.
Após o lanche, partimos para a consolidação do ritual de passagem… Cada aluno refletiu sobre as expectativas que tem da nova fase de vida e escreveu desejos para sí e para o grupo na nova etapa.

Pioneiros nessa atividade, cada um plantou então uma árvore, adubando com seus desejos a terra e inaugurando no local o Bosque dos Formandos, criando identidade e vínculo de preservação, transformação e continuidade, sendo exemplo e motivação para as séries seguintes que, em seus anos de formatura, passarão pelo mesmo processo.

Refletir para analisar…. Reconhecer para poder avançar…. Desconstruir para reconstruir… Plantar para poder colher…

Foi o que realizamos… lembramos, reconhecemos, desconstruímos, avançamos, reconstruímos e plantamos.

Momento muitíssimo especial!

Cintia, Leandro, Paula e Kiko

Um dos projetos elaborados pelos alunos foi a abertura da Semana do Livro: Fábulas Repaginadas.
Após lerem várias fábulas, os alunos reescreveram suas próprias histórias, inventando personagens e novas morais. Não contentes apenas com a produção escrita, vestiram-se à caráter e encenaram as fábulas, divertindo os alunos do 2º ano do Fundamental.
Uma semana antes, os alunos do 3º ano do Fundamental foram convidados para assistir o ensaio. Veja as fotos!
Outro projeto muito interessante foi a Farmácia Literária.
Após lerem diversa bulas de remédios, analisando o gênero literário, os alunos, juntamente com a professora Silvana, usaram as mesmas características das bulas para indicar um livro. Inclusive, um slogan foi criado: Ler é o melhor remédio.
O resultado ficou exposto durante toda a semana do Livro. Nossa convidada especial, a escritora Heloisa Prieto, adorou a iniciativa!
6º ano, vocês estão de parabéns! Clique aqui e vejam as fotos.

fazendacafe-191Dando continuidade ao projeto “Paisagens do lugar onde vivemos: São Paulo”, os alunos do 3º ano fizeram uma pausa para um cafezinho.

Todos saíram munidos de câmeras fotográficas e cadernos para registrar as diversas informações que obtiveram na visita à Fazenda Tozan, em Campinas, no final de outubro. A antiga Fazenda Monte D’Este é considerada patrimônio histórico e cultural, pois reserva parte importante da história do Brasil, passando pelo período do açúcar, transição para cultura cafeeira, abolição da escravatura, entre outros.

Os alunos puderam ver de perto todas as etapas da produção do café, da lavoura ao beneficiamento do produto, além de conhecer o Museu do Café que mostra, através de objetos e gravuras, a evolução da cultura cafeeira em nosso estado. A história da escravatura e de sua abolição até hoje são preservadas na Casa do Colono e a Senzala. 

Clique aqui para ver as fotos da visita. E leia os depoimentos abaixo.

3º ano A
bastosvitorrafaale3 brunamarivictoria mcarolbiancamari nicolegiulia rafaelapaula

3º ano B
biagabriellucas2 felipejuliaolivia gabrielapedrozjoaopedro1 julialeivasrandi lauramatheusmalu mfernandamjuliapedroh pedrofreitasale

sarau-5ano-115A noite deste dia 04 de novembro foi muito especial e repleta de emoção.  O Teatro Grande Othelo recebeu pais e convidados dos alunos do 5º ano para um sarau de poesias.

O palco do teatro se transformou em um agradável espaço para receber as turmas do 5º ano para um “piquenique literário”. Toalha xadrez e muitas cestas recheadas com os mais belos livros de poesias fizeram parte do cenário. O professor de teatro, Marcos Arilho, teve participação especial na orientação e ensaio dos alunos que mostraram que o mais importante no momento da apresentação é ter uma boa dicção.

O objetivo do sarau foi mostrar o trabalho que vem sendo realizado com esse gênero literário durante todo o semestre.

E seguindo a tradição de um sarau, que conta com a participação de todos, depois do show de declamações e interpretações poéticas dos alunos, foi a vez dos adultos mostrarem que também são feras na poesia. Professores, coordenadora, diretor e até mesmo alguns pais se saíram muito bem.

E assim, com a platéia aplaudindo em pé, foi aberta mais uma edição desse grande evento cultural do Friburgo: que seja bem-vinda a Liverdade! Clique aqui para acessar a programação.

Após o sarau houve a apresentação de um vídeo realizado por alunos do 5ºA sobre o projeto “Marcos do Século XX”.

Clique aqui e veja as fotos.

Arquivos

novembro 2008
S T Q Q S S D
« out   dez »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
%d blogueiros gostam disto: