S73F4762No dia 24 de junho, os 7ºs anos foram à cidade de Cabreúva e à Serra do Japi.
Essa saída foi uma das etapas do projeto Origens,  proposta interdisciplinar que envolveu as disciplinas de história, geografia e português.
O principal objetivo do projeto foi compreender e reconhecer os conceitos relacionados às origens existentes no planeta, na terra, nas questões ambientais e na vida de cada um.
A primeira etapa do trabalho, ligada à area de Língua Portuguesa, foram as entrevistas – os alunos assumiram (muito bem!) a posição de repórteres. Entrevistaram moradores da região e registraram suas respostas, enquanto isso outros grupos faziam uma investigação sobre o mapa que se encontra na praça do centro Histórico da cidade, verificando sua configuração. Tudo isso seria usado como material de apoio para a descoberta da origem e desenvolvimento dessa região. Por fim, os alunos receberam doze pistas informativas sobre Cabreúva, preparadas cuidadosamente pelo professor Wagner, de História. A tarefa de cada grupo era colocar as pistas em uma ordem cronológica e estabelecer  uma seqüência lógica do surgimento e desenvolvimento do local visitado. 
A ocasião também foi propícia para abordar as relações de convivência no grupo. Como detetives, repórteres e bons S73F4829observadores trabalharam em pares e ajudaram-se mutuamente.
Prosseguindo a atividades, os alunos percorreram uma trilha na Serra do Japi, incluindo paradas com explicações pertinentes do professor Leandro, de Geografia. Os alunos mapearam a trilha usando bússolas, conheceram as características do local e observaram a especulação imobiliária pressionando a Serra. Após a caminhada, os grupos foram orientados a criar um símbolo para o projeto, utilizando papel, barbante e cola. A criatividade imperou, além de produzirem e explicarem o sentido aos colegas de forma brilhante.
Professores que acompanharam a viagem – Leandro, Wagner e a coordenadora Cíntia Siqueira.

Clique aqui e veja as fotos desta saída!