No dia 9 de março, os alunos do 4º ano saíram da escola preparados para uma aventura bem diferente e cheia de novidades. Foram ao Parque do Ibirapuera para vivenciar e refletir sobre a importância do meio ambiente e os cuidados que devemos ter para a sua preservação.

Logo na chegada conheceram a UMAPAZ (Universidade Aberta do Meio Ambiente e da Cultura de Paz) e seus monitores que acompanharam a aventura realizada.  Assistiram ao filme da Sabesp sobre o tratamento da água. Logo depois visitaram o Viveiro Manequinho Lopes e conheceram diferentes espécies de mudas de árvores e plantas ornamentais. Viram de perto como é feita a compostagem com todo o lixo orgânico recolhido do parque. A separação do lixo também foi assunto durante o encontro.

Descobriram que dentro do parque funciona um hospital para animais silvestres que são encontrados fora de seu habitat. Por exemplo, se um sagui aparecer machucado no Friburgo podemos levá-lo para este hospital onde os veterinários e biólogos farão o tratamento necessário para o animal, devolvendo-o ao seu meio quando estiver reabilitado.

Os monitores fizeram algumas dinâmicas de sensibilização, utilizando as diferentes texturas das plantas, colorações e espécies, e até mesmo um jogo de adivinhação para mostrar aos alunos que cada um vê a natureza de uma maneira e que devemos respeitá-la. “Os monitores perceberam que os alunos têm grande conhecimento sobre as árvores. Muitos até encontraram algumas espécies presentes na área do colégio”, contou Mirela, auxiliar do Fundamental I que acompanhou os alunos.

Muitas perguntas e observações foram feitas durante a visita. Mariana, do 4ºA, depois de conhecer a estufa e a área das plantas protegidas contra os raios do sol, não se conformou com a tela escura utilizada. “A cor preta atrai o calor e as plantas devem sofrer muito. Por que vocês fazem isso?”, questionou a aluna. E só restou à monitora concordar, afinal a tela de proteção poderia ser branca ou de qualquer outra cor.

Clique e leia o depoimento escrito pela aluna Sophia (4ºB) depois da visita e veja as fotos desta divertida e rica convivência harmoniosa entre o homem e a natureza.

Anúncios