Os alunos do 2º ano A receberam o pai da aluna Luiza, no dia 10 de agosto, para aprender um pouco mais sobre a imigração japonesa no Brasil.

Alexander Yamaguti, arquiteto, é neto de japoneses que vieram para o Brasil em 1908, a bordo do navio Kasato-Maru. Esta foi a primeira viagem trazendo japoneses para trabalhar nas fazendas de café, que tanto precisavam de mão de obra.

As crianças ficaram sabendo que naquela época muito difícil para a população o governo japonês fazia campanha para que famílias inteiras viessem para o Brasil. Os cartazes espalhados pelo país diziam: “No Brasil existe uma árvore que dá ouro: o cafeeiro. É só colher com as mãos.”.

E assim como muitos, os avós de Alexander vieram para o Brasil e foram morar em Marília para trabalhar com a plantação de café e algodão. Depois se mudaram para Miracatu, no Vale do Paraíba, para trabalhar, desta vez, na plantação de bananas.

O casal e seus filhos vieram morar em São Paulo onde nasceram os netos e bisnetos.
Estas e outras informações puderam ser acompanhadas pelos alunos em uma apresentação de Alexander na sala de mídia do Friburgo. Fotos antigas da família e muitas ilustrações das influências japonesas em nosso cotidiano foram mostradas para a turma.

Yamaguti escreveu na lousa digital alguns ideogramas japoneses e deixou todos muito curiosos. Contou sobre a culinária, com sushis e temakis, sobre os arranjos floridos chamados de ikebanas, e também sobre as milenares artes marciais. Mas quando falou sobre os tradicionais origamis (dobraduras) – e contou que sabia fazer – as crianças ficaram eufóricas. Por esta razão, Alexander vai conseguir um horário em sua agenda para fazer com os alunos uma oficina de origami.

Outro momento muito curioso foi a apresentação de Osamu Tesuka, o criador
dos principais desenhos animados japoneses das décadas de 50 e 60 e que faz sucesso até hoje, como “A princesa e o cavaleiro” e “Kimba, o leão branco”, que serviu de inspiração para Walt Disney criar a famosa história do Rei Leão.

O encontro foi muito proveitoso para o trabalho que vem sendo realizado em sala de aula. A turma agradeceu a presença de Alexander e todos posaram para uma foto que certamente fará parte do portfólio do trabalho do 2º ano.

Clique aqui e veja a galeria de fotos deste encontro.