Seguem algumas observações e orientações sobre o uso de mochilas pesadas. A contribuição é do Prof. Roberto Trindade, que divide com a coordenadora Cintia, a disciplina de Fisiologia e Comportamento.

Já está constatado pela Ortopedia que existe uma relação bem forte entre o excesso de peso na mochila com alterações e dores na coluna e alterações na marcha.
Pensando nesta importante questão, sugerimos:

1. O peso da mochila deve ser de no máximo 10% do peso do seu filho (a).

2. Verifique as mochilas diariamente para observar se os seus filhos estão levando utensílios inúteis que acabam aumentando a carga.

3. Para os alunos do Fundamental II e Ensino Médio, o Friburgo disponibiliza armários que podem ser alugados, para os mais novos, do Fundamental I, já existem espaços especiais em armários na própria sala de aula onde o material de uso diário pode ficar guardado.

4. Uma boa medida a ser adotada são as mochilas de rodinha. A atenção fica para a altura da alça: seu filho (a) deve ficar com a coluna reta e não curvada para alcançá-la, pois uma alça mal regulada sobrecarrega o quadril e joelhos, o que pode causar inflamações e dor no crescimento.

5. A mochila carregada nas costas deve ser do tamanho do seu filho (a) para ajustar-se bem à coluna e sem folga. A mochila solta pode puxar o corpo para trás e forçar a musculatura dorsal, além de fazer o seu filho (a) curvar inadequadamente os ombros para facilitar o equilíbrio. O fundo da mochila deve ficar apoiado na curva lombar da coluna. Nunca deve ficar a mais de 10 cm abaixo da região da cintura da criança ou adolescente.

6. As alças de ombro devem ser bem acolchoadas.

7. Outro recado fundamental: nunca deixe seu filho(a) levar a mochila utilizando uma única alça pois isso sobrecarrega apenas um dos ombros.

8. O material deve ser bem distribuído dentro da mochila. Os livros e cadernos mais pesados ficam bem rentes à coluna. Não deixe os materiais soltos na mochila, isso provoca movimentos de desequilíbrio e sobrecarga de impacto.

9. Uma parte do peso leve carregado na mão também ajuda a aliviar o peso da mochila.

10.  A troca de cadernos por fichário, levando apenas folhas novas à escola é outra dica.

Não esqueça que cuidando da mochila do seu filho (a) você estará garantindo a saúde dele hoje e no futuro. Adotando regras simples podemos evitar um grave problema na fase adulta.

Anúncios