O ex-aluno, desde pequeno, e judoca Felipe Kitadai ganhou o melhor presente que poderia desejar. No mesmo dia em que completava 23 anos venceu a luta que lhe daria a medalha de bronze e primeira medalha brasileira nas Olimpíadas de Londres.

Felipe, que disputou pela categoira Ligeiro, chegou ao torneio como o 11º atleta do ranking. Perdeu uma luta para o bi-campeão mundial e depois conquistou uma vitória de maneira emocionante na repescagem que o levou para a disputa do bronze.
Depois de conquistar a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2011, agora Kitadai entra para o seleto grupo de medalhistas olímpicos.

Kitadai disse não saber quantas pessoas torciam por ele, mas afirmou sentir uma energia muito forte na luta final, quando já não aguentava mais fisicamente. “Acredito que a vibração da torcida brasileira tenha me ajudado a conquistar o bronze”, disse em entrevista o aluno que cresceu no Friburgo.

Depoimento da Coordenadora Cíntia Filpo sobre Felipe:

Nossa!! O orgulho é imenso!
Em sua época de Friburgo, alguns momentos foram difíceis… Conciliar a vida esportiva, de atleta de alto nível com a vida de estudante era um desafio.  Nossas ações foram de incentivo e de apoio… sempre!  Sempre acreditamos!  Víamos nele simplicidade, humildade, força e determinação… características de um campeão! Características essas que pudemos observar em todos os seus depoimentos “olímpicos”.
Me emocionei com ele. Chorei com ele.
Estávamos certos!
Ainda ouviremos MUITO sobre ele! Que venham as Olimpíadas no Brasil! Nessa, eu quero e vou estar presente!!!