You are currently browsing the category archive for the ‘Responsabilidade Social’ category.

 


IMG_2598O Colégio Friburgo em seu firme propósito de formação global de seus alunos busca educar para além dos seus muros, dotando seus alunos de ampla consciência do que há no seu entorno, as dificuldades e diferenças sociais estão entre elas. Isto porque, ao conhecer outras realidades, o aluno toma contato com problemas que desconhece que não vivencia em seu cotidiano, portanto, amplia sua percepção da própria realidade a que pertence, além de desenvolver a solidariedade.
Entre outras ações de responsabilidade social, o Colégio Friburgo desenvolve um projeto de contação de histórias, momento em que os alunos perceberam uma boa oportunidade de prestar ajuda a uma instituição, como nos conta a Professora Patrícia Penteado, coordenadora do projeto de doação de livros.

“A campanha surgiu da ideia da colaborarmos com um projeto realizado por alunos do Ensino Fundamental e Ensino Médio. Esses alunos fazem, atualmente, um trabalho voluntário de contação de histórias na CIP – Congregação Israelita Paulista – (Lar de crianças, cuja proposta é dar assistência social a crianças e às suas famílias).IMG_3877
Descobrimos que a biblioteca da CIP tinha poucos títulos e que todas as vezes que os alunos contavam histórias para as crianças, o Friburgo precisava levar os livros. Foi a partir dessas informações que surgiu a ideia de fazermos uma Campanha de arrecadação de livros de história.
Os alunos do 5º ano ( do Ensino Fundamental) fizeram a divulgação em todas as classes, desde o 2º ano do Fundamental até o 3º ano do Ensino Médio. Em cada classe explicaram sobre a Campanha e pediram as doações. Em menos de 20 dias, arrecadamos mais de 300 livros, todos em ótimo estado!
Marcamos assim a data de entrega e foi com muito envolvimento que partimos para a CIP. Lá, os alunos se apresentaram, fizeram uma dinâmica para descontrair e integrar todas as crianças, ouviram uma história contada pela nossa bibliotecária Mônica e conheceram a biblioteca da CIP.
Foi muito bom ver nossos alunos exercitando a solidariedade e a cidadania. Estão todos de Parabéns por essa iniciativa!”

 

Anúncios

Alunos do 3º ano do Ensino Médio contaram com a colaboração de todos os alunos da escola e bateram o recorde arrecadando 334 ovos de Páscoa pra serem doados para crianças que vivem em situação de risco.

No dia 03/04, um grupo de alunos representou o Friburgo na entrega dos ovos na Instituição Gotas de Flor com Amor, localizada no Campo Belo.

Enquanto formaram uma roda para conversar sobre a Páscoa e saborear um delicioso ovo de chocolate que foi dividido entre todos, alguns alunos foram esconder os ovos pelo espaço para uma divertida caça ao tesouro. As crianças também participaram de uma oficina de dobraduras de papel (origami) em comemoração à Páscoa.

Foi uma tarde importante e inesquecível para todos. Veja as fotos.

Já é tradicional a campanha de arrecadação de ovos de Páscoa que os alunos do 3º ano do Ensino Médio fazem nesta época do ano. Mais uma vez o objetivo é beneficiar as crianças carentes da Instituição Gotas de Flor com Amor.

A ideia é contribuir com ovos de Páscoa de 250 gramas que tenham brinquedos dentro. Esse detalhe é muito importante para que não haja diferença entre as crianças.

Seu gesto, sua atenção e colaboração fortalecem o espírito de solidariedade presentes no 3º ano do Ensino Médio.

Os ovos podem ser entregues no C.A até o dia 03 de abril, à tarde. No dia 04, no período da tarde, um grupo de alunos fará a entrega pessoalmente na instituição.

Os alunos do 3º ano e o Colégio Friburgo contam com sua colaboração!

Conheça a Instituição Gotas de Flor com Amor.

No dia 10 de novembro os alunos do 8º ano foram até o Lar São José, instituição que cuida de 75 crianças carentes, para levar as doações de material escolar que conseguiram arrecadar durante a campanha no colégio.

Logo que chegaram, foram recepcionados pela coordenadora Cléia e se depararam com todas as crianças reunidas em um salão a espera de uma manhã cheia de diversão. O rosto das crianças já denunciava a ansiedade. “Nunca vi tanta felicidade em um só lugar”, notou o aluno Luis Paulo.

E assim foi. Divididos em salas e espaços diferentes, os alunos do Friburgo e as crianças do Lar São José viveram momentos inesquecíveis.  Momentos de história e jogos musicais, pintura facial, personagens feitos com massinha, desenhos com guache e pincel, caça ao tesouro, futebol, e até mesmo a tradicional brincadeira de pular corda, fizeram parte das atividades escolhidas e organizadas pela turma. A aluna Victoria, assim como muitos outros, declarou que tem vontade de voltar e fazer algo pelas crianças, porque sentiu que a visita foi muito importante vendo o sorriso no rosto deles.

Todos os alunos levaram sanduíches, bolos, doces e sucos para compartilhar um lanche especial com as crianças. Especial principalmente para os alunos do Friburgo que se envolveram muito com o projeto e preparam os lanches e brigadeiros com muito carinho para oferecer para as crianças. “Esta é uma atitude muito bonita desta turma, estamos muito felizes e agradecidos. As nossas crianças são carentes em todos os sentidos, inclusive de carinho. E este foi certamente um dia muito especial para elas”, disse Walter Califre, um dos diretores do Lar.

Depois do lanche foi a vez das crianças do Lar São José fazerem uma homenagem aos alunos do Friburgo. Agradeceram a doação, a visita, o lanche e todas as brincadeiras, cantando a música “Eu não existo longe de você. E a solidão é o meu pior castigo. Eu conto as horas pra poder te ver…”. O coral fez bonito com “Fico Assim sem Você” e emocionou a todos. Um dos mais emocionados foi Matheus H., que já disse que quer trabalhar em prol do Lar São José também no próximo ano. “Foi muito bom poder conhecer a instituição e principalmente as crianças que serão beneficiadas com a nossa campanha. A satisfação em ter feito o trabalho é muito maior”, conclui o aluno.

Na despedida todas as crianças receberam um saquinho de guloseimas e brinquedinho como lembrança desta visita. Os alunos voltaram para o Friburgo com a sensação de dever cumprido e o melhor, com vontade de realizar mais ações sociais como esta. “Nós chegamos à instituição com um pensamento e saímos, com certeza, com outro. Às vezes precisamos de tanto para ser felizes e hoje percebemos que estas crianças ficaram imensamente felizes com o pouco que oferecemos. É para pensar e refletir.”, finalizou o aluno Matheus V., do 8ºA.

É isso! Clique aqui e veja as fotos deste encontro.

A turma do 8º ano organizou uma passeata para alertar todos os alunos e funcionários sobre a importância da doação de materiais escolares para o Lar São José.

“Depois da leitura do livro Capitães de Areia percebemos como é difícil a condição das crianças carentes. Agora temos mais prazer em ajudar”, disse a aluna Giovanna.  Para Matheus é muito importante poder ajudar as crianças com materiais para que o ano escolar delas seja mais produtivo.

A campanha foi bem organizada. Os alunos se dividiram em grupos para cuidar de todos os detalhes. No dia da entrega dos materiais, todos vão acompanhar e participar de uma manhã cheia de atividades: jogos e brincadeiras, leitura e artes. Também vão levar um gostoso lanche para compartilhar com as crianças do Lar.

O grupo que ficou responsável pela divulgação, além de organizar a passeata e espalhar cartazes por todo o espaço da escola, também passou pelas salas de aula e pelos setores do colégio solicitando doações.

“Esta turma é extremamente envolvida e abraçou a causa de uma forma muito consciente. Relacionaram a história do livro Capitães de Areia com a importância da campanha. Meus objetivos não só foram atingidos, como superados. Estão todos de parabéns!”, concluiu a professora Paula Trindade, responsável pelo projeto.

Clique aqui e veja as fotos.

Nós, alunos do 8°ano, estamos desenvolvendo uma campanha social de extrema importância, com a qual ajudaremos as crianças do Lar São José arrecadando material de papelaria e disponibilizando um dia para lhes proporcionar novas atividades.

Essa ação faz parte do nosso projeto de série, onde trabalhamos o conceito RESISTÊNCIAS. Tal projeto mostra-se em avanço admirável, já que no decorrer dos cinco anos que acontece, os alunos apresentam-se cada vez mais envolvidos com a beleza do gesto solidário. A sensibilização, para melhor realização da ação social, foi feita através da leitura do clássico Capitães de Areia, de Jorge Amado, que conta a história de um grupo de jovens carentes e abandonados de forma bastante tocante e também com o estudo de meio realizado  no P.E.T.A.R. (Parque Estadual Turístico do Alto do Ribeira), onde diversas discussões e reflexões foram realizadas.

Visamos, com essa ação, garantir uma melhor qualidade de educação para as crianças do Lar, que têm de três à seis anos de idade e precisam muito de ajuda. A repercussão dessa ação social poderá ser bem maior, pois será mostrado aos alunos do Friburgo o quão gratificante é estender a mão a quem precisa. Para que tal campanha consiga alcançar o resultado esperado, precisamos da colaboração de todos.

Na tabela abaixo, veja com quais materiais cada classe pode ajudar. As arrecadações serão recolhidas no C.A e no portão n° 91, até o dia 01/11/11.

Fundamental I – (2°A/3°A/5°A e B):
•    Color set
•    Tinta guache
•    E.V.A.
•    Argila

Fundamental I – tarde (2°/3°/4°):
•    Tesoura de ponta redonda
•    Fita crepe
•    Giz de cera
•    Sulfite

6° A/B:
•    Sulfite
•    Celofane
•    Crepon
•    Cartolina

7° A/B:
•    Color set
•    Papel cartão
•    Papel espelho
•    Papel craft

8° A/B:
•    Canetinha hidrocor
•    Papel espelho
•    Giz de cera
•    EVA
•    Lápis de cor

9° A/B:
•    Argila
•    Cola branca (tubo grande)
•    Pincel
•    Cartolina

Ensino Médio (1° A/B, 2°, 3°):
•    Giz de cera // Massa de modelar // Tinta guache // Papel camurça

AJUDE-NOS A CONSTRUIR A FELICIDADE!

Agradecemos imensamente e de coração.

Alunos do 8º ano/ 2011

Depois de conseguir arrecadar mais de 200 kg de alimentos em uma campanha realizada no Friburgo, os alunos representantes do 9º ano e 1º a 3º ano do Ensino Médio foram visitar as instalações da ONG Gotas de Flor com Amor, no Campo Belo.

Os alunos foram convidados a almoçar e puderam verificar o cuidado e carinho com que os alimentos são preparados.

Logo depois foram conhecer os espaços destinados para as diferentes faixas etárias das crianças que convivem, aprendem e se realizam com o trabalho sério e dedicado da instituição. Salas para atividades sócio-educativas, laboratório de informática, brinquedoteca, biblioteca e até mesmo um consultório para terapia floral. Na biblioteca os alunos conheceram o projeto da biblioteca itinerante montada dentro de um ônibus e que leva a leitura para outros lugares carentes.

Depois foram conhecer a sala de música onde crianças e jovens são estimulados a aprender diferentes instrumentos, além das aulas de coral. Rafael, jovem de 15 anos que há 2 anos faz parte do grupo atendido pelo Gotas, tocou piano para os visitantes e mostrou o que aprendeu somente utilizando a internet. “É muito bom ter um lugar com pessoas preocupadas em tirar os jovens do mau caminho, ensinando, orientando e acreditando que podemos nos transformar e fazer importantes mudanças no mundo”, conclui Rafael, depois de sua emocionante apresentação musical.

A aluna Ana Carolina, do 3º ano, que já tinha ido até o Gotas para desenvolver trabalhos de mediação de leitura, dentro do Projeto Mediando História do Friburgo, não conhecia toda a estrutura e gostou muito do que viu. “O mérito de todos que participam deste projeto é muito grande, afinal não é nada fácil fazer um trabalho tão bom, contando apenas com o apoio de poucos”, disse a aluna para Ana Célia, uma das educadoras que acompanhou o grupo durante a visita. O aluno Otávio, do 1º ano, que também se interessou muito pelo projeto realizado pelo Gotas disse que apesar de difícil tem certeza de que este é um trabalho muito gratificante e parabenizou a equipe.

Na despedida, Iracy Garcia, diretora pedagógica do Friburgo, agradeceu a atenção e enfatizou: “Acredito que quando os jovens, com todas as suas possibilidades, saem dos muros da escola, passam a ter uma visão mais ampla e com postura significativa de acreditar que podem e devem mudar o mundo, basta cada um fazer a sua parte.”

Durante a visita, Iracy também encontrou com Denise Robles, idealizadora do projeto do Gotas, que teve seu início em 1992,  por meio de atividades com terapia floral junto à crianças que vendiam balas em faróis.

Clique aqui para ver as fotos da visita e também conheça a instituição Gotas de Flor.   

Os alunos do 3º ano do Ensino Médio e do 9º ano do Ensino Fundamental estão coordenando uma campanha para arrecadar alimentos para a ONG Gotas de Flor com Amor. A instituição, parceira do Friburgo em alguns projetos sociais, atende crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos, moradores das favelas e cortiços dos bairros do Brooklin e do Campo Belo, na zona sul de São Paulo.


O projeto da instituição oferece atividades de educação complementar de informática, esportiva, musical e artística, focadas nos valores humanos, contando também com oficinas profissionalizantes e o curso aprendiz “Um Salto para o Mundo” (Lei 10.097), além de oferecer alimentação enquanto as crianças estão no local.

Com a eficácia do projeto, o número de crianças aumentou e a lista de espera está cada dia mais numerosa, porém a quantidade de ajuda não é proporcional ao crescimento da demanda de pessoas a serem atendidas.

“O objetivo da campanha é ajudar essa ONG na área alimentícia, que é onde ela mais necessita neste momento. Como o problema sempre existiu é imprescindível que além da ajuda que a campanha fornece, nós alunos do Friburgo consigamos mobilizar mais pessoas a abraçarem essa causa conosco”, explicam os alunos Pedro e Ana Carolina, do 3º ano do Ensino Médio, que já passaram nas salas de aula para explicar a campanha para todas as turmas.

A campanha terá início no dia 30/08 e será finalizada no dia 09/09.

Veja na lista abaixo quais alimentos devem ser trazidos de acordo com a série do aluno e não deixe de participar!

2º EF I e 6º EF II  – Arroz e Leite em pó
3º EF I e 7º EF II – Enlatados em geral e Achocolatados
4º EF I e 8º EF II – Macarrão, Óleo e Gelatina
5º EF I e 9º EF II – Açúcar e Feijão
1º Ensino Médio – Bolachas doces e salgadas e Sal
2º Ensino Médio – Feijão, Leite em pó e Gelatina
3º Ensino Médio – Arroz e Molho de tomate
Clique aqui para conhecer a ONG Gotas de Flor com Amor.

Alunos representantes de classe do 9º ano e Ensino Médio participaram de um encontro com a equipe da ONG Gotas de Flor com Amor, que atende 209 crianças e adolescentes das favelas e cortiços dos bairros do Brooklin e Campo Belo, no dia 17 de agosto.

“A solicitação do encontro foi feita pelos próprios alunos do Friburgo com o objetivo de conhecer melhor o trabalho desenvolvido pela ONG, já que estão programando uma campanha de arrecadação de alimentos para ajudar a instituição que passa por dificuldades”, contou a coordenadora pedagógica do Friburgo, Iracy Garcia, que acompanhou a reunião.

Para apresentar o projeto desenvolvido na ONG, além da sua coordenadora pedagógica também participaram uma educadora e alunos que fazem parte do grupo. A Gotas de Flor oferece atividades de educação complementar (informática, esportiva, musical e artística) para alunos matriculados em escolas públicas, valorizando e focando sempre a importância dos valores humanos.

Rafael, 15 anos, aluno que faz parte do projeto, contou sobre a rotina das atividades disponíveis. “É muito importante ter um local para fazer algo educativo justamente fora do horário de aulas, quando onde os jovens acabam aprendendo o que não devem”, contou.

A coordenadora Simone agradeceu a participação do Friburgo e disse que ficou muito feliz em saber que os próprios alunos do colégio vão realizar esta campanha. Para a educadora Ana Célia a visão de cidadania dos alunos do Friburgo é digna de exemplo.
Os representantes de classe vão definir como será a campanha que em breve contará com o apoio de toda a Comunidade Friburgo. Aguardem!

Clique aqui para conhecer a ONG Gotas de Flor com Amor, localizada na Rua Vicente Leporace, 495 – Brooklin.

Participar de um trabalho voluntário, com pessoas que vivem uma realidade diferente, é um fator de extrema importância para o autoconhecimento e desenvolvimento da personalidade e valores de cada um.
Desde já estão abertas as inscrições para o trabalho voluntário em 2012 com a Educação de Jovens e Adultos (EJA).
Além de pais, ex-alunos, familiares, funcionários e amigos da escola, existem vagas também para alunos a partir do 8º ano que trabalham como monitores.
Alunos cursando os últimos anos do Ensino Médio podem trabalhar como voluntários, sendo os próprios responsáveis pela disciplina.
O trabalho é realizado uma vez por semana, com 2h30 de duração no período noturno.
Para maiores esclarecimentos e para fazer a sua inscrição procure Iracy ou Ceiça:
iracy@colegiofriburgo.com.br
educacaodeadultos@colegiofriburgo.com.br

Arquivos

novembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
%d blogueiros gostam disto: